Feeds:
Posts
Comentários

Archive for setembro \25\UTC 2010

“O pior analfabeto
é o analfabeto político.
Ele não ouve, não fala,
nem participa dos
acontecimentos políticos.

Ele não sabe
que o custo da vida,
o preço do feijão, do peixe,
da farinha, do aluguel,
do sapato e do remédio
dependem das decisões políticas.

O analfabeto político é tão burro
que se orgulha e estufa o peito
dizendo que odeia a política.

Não sabe o imbecil que,
da sua ignorância política
nasce a prostituta,
o menor abandonado,
e o pior de todos os bandidos,
que é o político vigarista,
pilantra, corrupto e lacaio das
empresas nacionais e multinacionais.”

(Bertolt Brecht)

Read Full Post »

. Viva a Vida

Imagine o quanto foi esquematizado, programado, ajustado e premeditado para que você pudesse nascer.
E você passa a maior parte do seu tempo sem se dar conta da beleza da vida.
E ainda reclama!
Não faça isso!
Perceba que você não tem nenhuma perspectiva de quanto tempo de vida você ainda tem, assim sendo, não disperdice seu tempo com coisas ruins.
Seja feliz, viva a vida.
Porque a vida nada mais é do que um grande espetáculo que a cada dia lhe oferece uma nova história, uma nova situação.
É a mágica da vida.
Viver o minuto seguinte, que nem podemos imaginar como será.
O minuto passado, já passou, nada neste mundo irá trazê-lo de volta.
Portanto, se você acertou ou errou, use-o apenas como um registro de experiência, para o minuto seguinte.
Faça com que sua passagem por esta vida não seja de forma banal ou anônima.
Concentre todas as energias do mundo em você e passe-as para todos os que lhe rodeiam.
Faça com que as pessoas à sua volta sejam felizes, assim como você.
A luz que você irá irradiar será percebida pelo mais infeliz dos mortais.

(autor desconhecido)

Read Full Post »

É possível dizer a alguém para não amar, para não sofrer, para não chorar, para escolher a quem vai amar?
Não, o coração não tem lógica, não tem juízo, se entrega e, entre dores e amores, vive…

E quando o amor acaba, nos fechamos na dor, na solidão, até que a ferida sare, e mesmo com uma enorme cicatriz, recomeçamos o ciclo: novo amor, nova decepção, nova dor…
Então, o que fazer?
Deixar de sentir, anular os sentimentos, calar a vida que teima em pulsar nas veias, o sangue a correr quente pelo corpo levando a esperança por todos os poros, impulsionando a continuar?
Ou simplesmente ignorar todas essas emoções e vegetar numa redoma protegido de tudo, de todos, mas principalmente protegido de si mesmo?
Temos poucas escolhas na vida: ou vivemos apegados ao ontem, ao passado; ou damos uma chance ao amanhã, ao futuro.
Não existe terceira opção.
Estagnar, segurar o tempo no presente é impossível.
Ou paramos ou seguimos.
E muitas vezes o presente não vale a pena segurar.
Não existe “se” na vida prática. É “sim” ou “não”. ”Talvez”, nem pensar!
“Se” eu não fugisse…
“Se” eu não tivesse dito…
“Se” eu isto… ou aquilo…
“Se” o caminho escolhido fosse o outro e não este…
Destino traçado ou ajudamos a traçar os nossos destinos?
Por que alguns conseguem outros não?
Porque são mais corajosos – se arriscam mais.
Vão à luta sem medo e mesmo perdendo não desanimam, enquanto outros se acovardam, ficam em pânico de tentar, abaixam a cabeça,encolhem os ombros medrosos e deixam que a vida os levem a mercê como uma folha carregada pelo vento.
Isto é o que o destino quer ou que nós deixamos que o destino queira?
Quantas vezes nós mesmo não damos uma pequena “mãozinha” ao destino?
As vezes erramos… as vezes acertamos… num eterno jogo de ganhos e perdas, que nunca ninguém vai saber quem realmente ganhou ou perdeu…
Só aquele que viu a oportunidade de ser feliz e deixou escapar por medo ou covardia, vai saber de quem é a culpa.
Sua ou do destino?
E mesmo assim ainda terá a dúvida: Se não seria diferente “se” tivesse tentado…
Então, não deixe que o medo faça com que você pare no tempo.
Vá à luta!

(autor desconhecido)

(Se conheces a autoria, por favor, me informe para que possa fazer a correção)

Read Full Post »

A sensação da solidão passa, assim como o inverno dá lugar à primavera.
Você encontrará seu caminho para a felicidade,assim como uma planta encontra seu caminho em direção ao sol, crescendo, mudando e avançando.
Quando nuvens de tempestade escurecerem seu mundo, lembre-se que a amizade lhe oferece um abrigo seguro onde você nunca está sozinho… lá, encontrará bem-estar, apoio e compreensão.
Os dias frios cinzas e solitários não duram para sempre… os pássaros sabem disso, e é por isso que eles cantam.
Não desista, não admita sentimentos de fracasso; dúvidas vão e vêm, assim como as estações do ano… quando tudo o que é bom parece perdido, lembre-se que a vida é um círculo, e a esperança mora no horizonte.
Se você sente o calor do sol em seu rosto, o cheiro da terra, o canto do pardal, então saiba que você é parte da natureza, com a sua própria singularidade, beleza e razão de ser.
A vida não é sempre radiante, mas se o sol pode brilhar depois da pior tempestade, nós também podemos.
Não importa quão frio o vento, quão escuro o dia; há calor dentro de um coração repleto de amor e compreensão.
A natureza nos oferece o calor do sol, o perfume das flores e o canto dos pássaros para nos fazer lembrar que não importa quão difícil a vida é; haverá sempre momentos de bondade, paz e oportunidade de crescimento.
Alguns dias são melhores, outros, é melhor esquecer; mas assim que o anoitecer marcar o final do dia, pense nas coisas boas da vida, coisas inocentes e verdadeiras, e adormeça sonhando com a esperança que traz o amanhã.
Quando o vento frio soprar desânimo em seu coração e o mundo parecer rancoroso, seja paciente e perseverante, para que sempre voltem os momentos de bondade e amor.
Busque o vento para o seu sonho, depois deixe seu coração voar livremente… com coragem, fé e firmeza, dê tudo de si.
Cada dia que amanhece traz esperança e oportunidade de fazer os sonhos se tornarem realidade.
Existe mágica na passagem do dia para a noite… assim como as cores que se desfazem no crepúsculo, trazendo esperança para um amanhã radiante.
Você tem dentro de si mesmo energia para vencer… pode transformar um obstáculo em um degrau que o leve um passo adiante na realização de seu sonho.
Se nós possuímos a habilidade de sonhar, o potencial de realizar sonhos também é nosso.
Estabeleça um objetivo e mantenha-se em sua trilha; não deixe que os infortúnios da vida o desviem de seu caminho… persistência, assiduidade e trabalho árduo nunca ficam sem recompensa, e os sonhos realmente tornam-se realidade.
Para envelhecer bem, devemos continuar a sonhar, pois é a busca de sonhos que nos mantém jovens de coração.
Reflita na vida sempre que possível; reserve tempo para recordar, e faça tempo para sonhar… encontre seu próprio caminho; vá com confiança e… surpresas boas virão.

( Lynne Gerard )

Read Full Post »